Controle Orçamentário: O que é e como deve ser feito?

Controle Orçamentário O Que é E Como Deve Ser Feito - Contabilidade em Santa Catarina | Amaral Contabilidade

Compartilhe nas redes!

O controle orçamentário é uma ferramenta da administração financeira que deve fazer parte da rotina de qualquer tipo de organização.

Mas será que você sabe fazer isso de forma eficiente e adequada?

Vamos compreender no artigo de hoje como priorizar o controle orçamentário empresarial e usufruir das vantagens que ele traz para a empresa. Confira e aprenda como utilizá-lo como um diferencial competitivo para alavancar de vez o seu negócio. Boa leitura!

O planejamento estratégico e o controle orçamentário do ponto de vista financeiro

Com a ajuda da administração financeira e de suas ferramentas, é feita uma análise e uma avaliação do fluxo de caixa da empresa visando a estabilidade das finanças e o crescimento saudável do negócio.

Como é flexível, e pode ser utilizado em qualquer empresa, independente do tamanho ou atividade, a administração financeira pode ocorrer de diversas formas. Mas para que ela seja realmente eficiente, é preciso que algumas ferramentas consideradas decisivas sejam usadas no processo. E o controle orçamentário é um deles.

Vejamos mais a seguir sobre ele.

Controle orçamentário empresarial 

Como uma forma de auxílio na compreensão da administração financeira para entender como estão os negócios da organização, o controle orçamentário empresarial utiliza ferramentas para estabelecer metas, definir aonde a empresa quer chegar e como ela fará isso.

O orçamento permite que se monitore, de maneira periódica, como os resultados reais estão em comparação ao que foi projetado. Eles não serão iguais no decorrer do ano, e os prazos podem variar e se adaptar a cada situação.

Outra vantagem do orçamento é que ele permite que se corrija os rumos no meio do caminho. Quando o gestor entende que há algo que não está de acordo com o que foi estabelecido, ele pode tomar ações que façam com que a empresa entre novamente no trilho certo, permitindo que ela alcance os seus objetivos.

É fato que o orçamento deve ser elaborado com base em dados concretos, mas também em previsões, dados de mercado, da econômica e outros que farão parte do processo de análise e tomada de decisão.

Além disso, o orçamento deve contar com a previsão de outras áreas da própria organização. O orçamento de vendas, de produção, de matéria-prima, de custos e despesas, de caixa, os investimentos e os resultados devem ser levados em conta na hora de fazer o controle orçamentário empresarial.

Por que fazer o controle orçamentário?

Já dissemos aqui que hoje, o controle orçamentário é uma das ferramentas mais utilizadas dentro da gestão das grandes empresas, e atualmente essa ferramenta vem sendo cada vez mais explorada pelas empresas devido às vantagens que ela apresenta.

Quando se trata de metas de curto, médio e longo prazo, ele permite que os gestores conheçam de maneira palpável, os reais objetivos da empresa em diferentes momentos, e o orçamento faz com que os tomadores de decisão compreendam se é possível alcançá-los e como isso vai ser feito.

É fato que as empresas que têm um bom controle orçamentário crescem de maneira saudável e inteligente pois elas conseguem direcionar seus recursos para escolhas racionais e que maximizem os resultados de suas decisões.

Vantagens do controle orçamentário 

A maior vantagem do controle orçamentário, como dissemos, é permitir organizar a empresa financeiramente. Mas outra vantagem está relacionada às análises gerenciais e um controle maior de eficiência e racionalização dos recursos que a empresa tem a sua disposição.

Um orçamento, quando é bem elaborado, induz todos os envolvidos no processo orçamentário ao cuidado com as escolhas efetuadas. Ele oferece perspectivas em relação ao futuro da organização e pode ser usado como uma base de desempenho das atividades e dos controles dos envolvidos, fazendo com que assim, a empresa saiba onde errou e onde acertou.

Tipos de orçamento 

Cada empresa tem o seu próprio modelo de gestão, isso é fato, e o orçamento também deve atender as particularidades da organização. Afinal, o que funciona para uma empresa, pode não atender a outra e assim, há situações e contextos que podem exigir uma análise diferente.

Por isso é importante conhecer o potencial de cada tipo de orçamento, para apurar suas informações financeiras.

São eles:

  • Orçamento Estático: formato mais comum nas empresas, e geralmente é elaborado antes do início do ano. Deve ser utilizado como um parâmetro e o que se espera é que a projeção se concretize na prática.
  • Orçamento Flexível: modelo caracterizado pela análise dos resultados gerados em cada setor da empresa. As modificações são feitas e atualizadas de acordo com o que está sendo avaliado, com intervenções pontuais. A atualização neste caso é constante.
  • Rolling Forecast: também conhecido como orçamento contínuo, ele tem sua aplicação voltada para os objetivos da empresa no decorrer dos próximos 12 meses e se caracteriza pela continuidade.
  • Beyond Budgeting: é o modelo de controle orçamentário baseado na descentralização, ou seja, ele é formulado pelo gestor de cada área, voltando-se para a realidade específica de cada uma delas.
  • Orçamento Ajustado (Forecast): esse modelo tem como objetivo avaliar a situação atual da empresa, observando o que foi projetado e o que foi realizado. Assim, o orçamento é revisado constantemente, de acordo com os resultados obtidos.
  • Orçamento Base Zero: esse orçamento considera a situação orçamentária como se a empresa estivesse sendo criada e planejada agora, e ele não se desenvolve considerando resultados anteriores.
  • Controle matricial: é o modelo de controle orçamentário que verifica a estrutura de gastos da empresa por área, chamada de pacote de gastos. Esses segmentos são definidos livremente de acordo com as necessidades da empresa. A responsável é delegada a um gestor indicado para cada unidade de custos e é ele quem vai controlar as despesas para que fiquem dentro dos limites estabelecidos. O acompanhamento é compartilhado.

Como vimos, o controle orçamentário é uma ferramenta complexa e que precisa da integração de diversos departamentos da empresa para sua elaboração.

Essas informações precisam ser extraídas de demonstrativos contábeis e relatórios que possam fornecer uma visão correta e integrada da empresa e do setor.

Neste artigo vimos que o controle orçamentário é uma das ferramentas mais importantes da administração financeira e também foi possível entender que esse controle é essencial para o crescimento saudável, organizado e focado de uma organização.

Amaral Contabilidade

Nossos profissionais se posicionam como apoiadores de sua empresa e a meta é colaborar com o crescimento de empreendedores, superando as expectativas de nossos clientes. Os diferenciais de nosso trabalho são o atendimento personalizado e o comprometimento com os valores dos clientes. Buscamos sempre agilidade e qualidade na entrega de nossos serviços, além de soluções definitivas e específicas à realidade de cada empresa
Então se é de uma contabilidade dessa que você precisa, entre em contato com a Amaral, clicando no botão abaixo! Em breve um de nossos consultores te dará uma resposta!
Whatsapp Amaral Contabilidade - Contabilidade em Santa Catarina | Amaral Contabilidade

Fique por dentro de tudo e não perca nada!

Preencha seu e-mail e receba na integra os próximos posts e conteúdos!

Compartilhe nas redes:

Facebook
Twitter
Pinterest
LinkedIn

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Posts Relacionados

Importadora Quais Sao As Vantagens De Ter Uma Contabilidade - Contabilidade em Santa Catarina | Amaral Contabilidade

Importadora: Quais são as vantagens de ter uma contabilidade?

Administrar uma importadora envolve muitas responsabilidades e desafios. Entre eles, a gestão financeira é uma das mais importantes.  Ter uma contabilidade bem estruturada pode fazer toda a diferença para o sucesso do seu negócio.  Muitas vezes, empresários se perguntam se

Guia 2024 Para Imposto De Renda Para Clinicas Medicas - Contabilidade em Santa Catarina | Amaral Contabilidade

Guia 2024 para Imposto de Renda para clínicas médicas

Se você administra uma clínica médica, sabe como é importante estar em dia com as obrigações fiscais.  O Imposto de Renda pode ser um pouco complexo, mas com as informações certas, você pode simplificar o processo e evitar problemas futuros.

Gestao Financeira Para Medicos 5 Dicas Para Financas - Contabilidade em Santa Catarina | Amaral Contabilidade

Gestão financeira para médicos: 5 dicas para finanças

Gerenciar as finanças é um aspecto fundamental para qualquer profissional, incluindo médicos que, além de cuidar da saúde dos pacientes, precisam manter a saúde financeira de seus consultórios ou clínicas.  Saber como administrar o dinheiro de forma eficiente não só

Seguranca Financeira Para Mei Saiba Como Construir Sua Reserva - Contabilidade em Santa Catarina | Amaral Contabilidade

Segurança financeira para MEI: saiba como construir sua reserva

Entender como construir uma reserva de emergência pode ser a diferença entre manter a estabilidade do seu negócio nos momentos de incerteza ou enfrentar dificuldades financeiras.  Com a implementação dessas estratégias que falaremos a seguir, o MEI pode fortalecer sua

Precisa de uma contabilidade que entende do seu negócio ?

Encontrou! clique no botão abaixo e fale conosco!

Recomendado só para você
Quando um empreendedor abre uma empresa, lógico que seu objetivo…
Cresta Posts Box by CP
Back To Top
Modelo 4 Irpf 2024 - Contabilidade em Santa Catarina | Amaral Contabilidade